Avanços tecnológicos laboratoriais e a garantia de qualidade na segurança do paciente” é o tema da palestra de abertura

Foto: arquivo pessoal

Com décadas de experiência, palestrante Luiz Murilo Martins de Araújo pretende chamar a atenção dos biomédicos para o uso da tecnologia e a atualização do conhecimento

Com os avanços tecnológicos e a automação, as oportunidades de trabalho na bancada tem diminuído, mas a necessidade da Gestão da Qualidade para garantir a segurança do paciente abre um novo e importante espaço para a atuação do biomédico”. Quem aposta nesta realidade é o biomédico e médico Luiz Murilo Martins de Araújo. Ele abordará esses aspectos na palestra “Avanços tecnológicos na Hematologia laboratorial e a garantia de qualidade na segurança do paciente. A importância do biomédico”, na abertura do 3º Congresso de Biomedicina do Centro-Oeste, dia 24 de outubro, às 20 horas, na Sala Principal do Hotel Nacional, em Brasília.

Luiz Murilo também é professor de Hematologia Laboratorial do Curso de Medicina da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO) e professor de Medicina Laboratorial da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Goiás (UFG).  A experiência de 38 anos de atuação no mercado de Laboratório de Análises Clínicas e nas instituições de ensino será a base na formulação da palestra que apresentará um panorama geral desse contexto aos participantes.

“Vamos acrescentar informações, condutas, procedimentos e rotinas estabelecidas nos manuais de Garantia da Qualidade, nas Resoluções de Diretorias Colegiadas (RDCs), nas diretrizes do CFBM e em cursos e artigos sobre o tema”, adianta o palestrante. O assunto está entre os mais oportunos para dar a largada na programação científica do 3º CBCO, cujo tema é Ciência, tecnologia e empreendedorismo no fortalecimento da Biomedicina.

Para o biomédico Luiz Murilo, a velocidade exponencial da produção de conhecimentos e da imediata repercussão no mercado e na atuação do Biomédico exige a essencial Educação Continuada, com leituras diárias dos artigos científicos publicados na sua área de atuação, a realização contínua de Benchmarking com os colegas e participação periódicas em workshops, seminários e congressos. (Imprensa CRBM-3)

Ready to talk?

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit mod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Let’s Talk